Ao longo da minha vida de jogador, claro de videogame, foram muitos jogos que marcaram minha vida alguns eu sou fiel até hoje, mas outros fez parte de um momento nostálgico. Para os novinhos terão alguns consoles que vocês nunca ouviram falar. Vamos aos jogos:

Need for Speed II (1997)
A época era jogos via computador utilizando internet discada, ou seja, de uso preferencial aos domingos que a internet era mais barata. Eu me recordo de lendárias partidas com meu amigo Rafael Carneiro aonde fazíamos corridas aonde o vencedor ganhava apenas por uma ou duas curvas perfeitas e era no detalhe. Não lembro do nome da pista, mas era um cenário de deserto e perto da linha de chegada tinha uma divisão de pista com uma parede rochosa, ou seja, era hora da maldade em dar aquela porradinha no oponente.

Mario Kart (emulador do Nintendo 64)
Começo falando desse jogo pelo fato de desafiar as leis da física aonde dois jogadores conseguem ocupar o mesmo teclado ao mesmo tempo, isso era bizarro. A minha recordação desse jogo é quando juntávamos quatro amigos: Ricardo, Aline, Vanessa e eu. E a lógica do jogo era simples vencer o Ricardo e não tinha outro objetivo de vida. Para os nostálgicos como eu, vale procurar algum emulador e ativar o vício.

Theme Hospital (1997)
Um excelente jogo para tempos de pandemia (brincadeira!). Um jogo de gráficos simples, mas super interativo, pois misturava o lado projetista de interiores com administrador de crise pois ao gerir o hospital pegava uns casos de emergência bizarros para resolver em 2 minutos, para isso você tinha que ter um número de salas suficientes para essa emergência. Atendeu todos os pacientes? Ganha grana e reputação, mas senão diga adeus a próxima fase. Foi recriado em 2019 uma nova versão com gráficos melhorados, eu comprei joguei e o tesão não era o mesmo, até mesmo perdi a senha e o download.

Max Payne 3 (Xbox 360 – 2012)
Um dos poucos jogos de tiro que gostei e até zerei (um milagre até hoje). Os gráficos eram excelentes pela época e pela plataforma do 360. Eu lembro de efeito tipo matriz que o jogador fugia de um intenso tiroteio em câmera lenta, acho matando todo mundo e sem tomar uma bala (acho que por isso que eu ganhava). Infelizmente o jogo não foi atualizado para as novas plataformas e a saudade ficou em 2012. E possível comprar nas lojas virtuais dos consoles, mas sem ser uma versão com aprimoramento gráfico, apenas um emulador.

 California Games (Mega Drive – data censurada para publicação)
Eu me recordo aos tarde de final de semana que eu levava o videogame para casa da minha avó, juntava vários amigos dos meus primos (todos mais velhos, e que mesmo eu sendo o todo da “bola” não deixava eu jogar, mas eu me divertia junto). Não me recordo se já fizeram uma nova versão desse jogo, mas era um torneio de competições de praia que fugia do convencional dos jogos olímpicos. Lembro de alguns: surf, BMX, embaixadinha, skate e patins.

Ayrton Senna’s Super Monaco GP II (Mega Drive – 1992)
Certamente foi responsável pelos lucros da locadora do Carlinhos, durante uma boa fase. Era quase religioso ir sábado cedinho para ser o primeiro a pegar a fita, só faltava dormir na fila da locadora. A minha recordação era mais como telespectador do que jogador, meu primo era apaixonado pelo jogo, eu gostava de ver ele competindo. E, também, era um jogo assinado pelo Senna, isso tinha um peso absurdo.

Em outros artigos falarei de outros jogos épicos que marcaram minha vida, mas me conta quais são os jogos que marcaram a sua vida?

SIGA NOSSAS REDES SOCIAIS: